Santa Cruz-Saùde
School of Rock

CONHEÇA A School of Rock

Santa Cruz-Saùde

Mês de Fevereiro com promoção de 15% desconto na matrícula. Vai ficar fora dessa?!   Entre em contato atráves de nosso whatsapp

Guitarra

A MELHOR GUITARRA PARA INICIANTES

A guitarra é um dos instrumentos mais populares e reconhecidos de todos os tempos! Você pode ouvir o seu som distinto e familiar em todos os tipos de música, incluindo Rock, Country, Blues, Funk, R&B, Metal, Punk, Pop, Flamenco, Jazz, Clássica, Mariachi, Reggae e assim por diante. Não é surpresa que muitas pessoas gravitem em torno dessa ferramenta de expressão infinita. Se você está pronto para embarcar nessa jornada musical, apenas uma coisa está no seu caminho. Como saber qual guitarra é a certa para mim?

Há uma infinidade de opções, marcas e preços que podem facilmente sobrecarregar qualquer pessoa que está começando. Não se deixe intimidar! Todas essas opções podem ser simplificadas em três categorias principais: a guitarra de corpo sólido, a guitarra acústica e a guitarra semiacústica. Independentemente da faixa de preços, você se verá olhando para essa estrada de 3 vias.

FORMATOS DO CORPO

A guitarra existe desde o século XVI. Foi recriada inúmeras vezes e ainda está passando pelo processo de reinvenção com as guitarras elétricas modernas de hoje em dia. Alguns dos formatos mais reconhecíveis são a Fender Stratocaster, a Gibson Les Paul e a C.F. Martin Dreadnought. Escolher a melhor guitarra de iniciante para você se resume a conforto e timbre. Às vezes, os corpos das guitarras são muito pesados ou têm um formato/corte desconfortável. Um bom exemplo é o modelo Flying V, da Gibson. Embora seja um dos modelos de guitarra mais legais do mercado, é extremamente desconfortável de tocar. Não fique tentado pela aparência na primeira vez que for comprar uma guitarra. Tudo se resume à praticidade. A forma de um corpo acústico também afetará o timbre. Corpos de guitarra menores produzirão frequências mais finas e mais altas, enquanto corpos maiores terão uma faixa de frequência baixa, mais ressonante e profunda. Nesse ponto, é o que seu ouvido mais atrai e todos terão preferências diferentes. Grave a si mesmo tocando guitarra e siga seu ouvido!

CALIBRE DA CORDA/AÇÃO

Uma dica incrivelmente útil para guitarristas iniciantes é ter um calibre de cordas baixo. Calibre é o quão grossas ou finas são as cordas. Calibres baixos requerem menos pressão para tocar as notas e tornam certas técnicas como vibrato e bend muito mais fáceis. 0,008 (1/1000 de polegada) é o calibre de corda mais leve possível. Alguns músicos podem achar isso frágil se forem mais velhos ou se tiverem mãos maiores. Nesse caso, você pode considerar 9s ou 10s. O calibre mais leve em guitarras acústicas seria 11s e 12s, mas ir mais leve pode comprometer o timbre, fazendo com que pareça um zumbido. Da mesma forma, a ação pode afetar diretamente o conforto e o timbre. Ação é o quão alto as cordas estão acima do braço da guitarra. Uma guitarra pode ser configurada para ter ação alta ou baixa. A ação baixa será mais fácil de tocar e resultará em menos dificuldade para aprender o instrumento. Algumas das melhores guitarras para iniciantes terão ação notavelmente alta quando você as experimentar. Lembre-se de que isso não é permanente, a ação pode ser ajustada ao seu gosto, independentemente da guitarra que você escolher.

A GUITARRA ELÉTRICA

A guitarra elétrica é a primeira escolha para a maioria dos alunos da School of Rock que estão aprendendo a tocar guitarra e há muitas razões para isso. A guitarra elétrica pode produzir uma grande variedade de sons e tem a maior versatilidade. Você vai ouvi-la nos gêneros musicais mais populares. Se você está optando por esses tipos de estilos, é uma ótima escolha, no entanto, há algumas desvantagens. Além de comprar a guitarra, você precisará comprar um amplificador. É possível praticar em casa sem um, mas não será a mesma coisa. O amplificador é o melhor amigo da guitarra elétrica. Ele pode ser ajustado para uma ampla variedade de timbres de rock, jazz, metal, country, blues e praticamente qualquer coisa que você desejar. Portanto, se você comprar uma guitarra elétrica, provavelmente comprará um amplificador. Isso também tornará a portabilidade um pouco mais difícil. A faixa de preço da guitarra elétrica vai de R$ 800 a vários milhares de reais. Você pode encontrar um modelo mais barato, mas lembre-se de que você paga pelo que recebe. O recomendado é começar com uma guitarra elétrica que custe pelo menos R$ 800 para garantir que você tenha a melhor guitarra iniciante para você.

A GUITARRA ACÚSTICA

A guitarra acústica tem a conveniência de estar mais prontamente disponível do que uma guitarra elétrica, mas não possui determinadas capacidades. Ela vai estar lá quando você precisar, mas você não tocará solos de guitarra de rock super distorcidos tão cedo. A guitarra acústica não possui componentes elétricos, o que significa que é incapaz de atingir determinados timbres. A boa notícia é que você não precisaria se preocupar com um amplificador se decidisse seguir esse caminho. Você pode tocar ao ar livre, na praia, em um acampamento ou em qualquer lugar que você desejar. Existe também um timbre específico que vem com a guitarra acústica que pode ser ouvido em algumas músicas de Rock, Country, Blues, etc. A principal desvantagem das guitarras acústicas é que elas são mais difíceis de tocar. Você terá mais dificuldade em mexer no instrumento. Existe uma opção alternativa. Você pode comprar um violão com cordas de náilon, que tem cordas mais macias, facilitando na hora de tocar. O volume será um pouco comprometido, mas isso não será grande coisa se você estiver tentando alcançar um timbre semelhante à música flamenca, bossa nova e samba. Com qualquer uma dessas opções, seu timbre é definitivamente mais específico e menos versátil. uma guitarra acústica iniciante. Você provavelmente encontrará uma guitarra acústica iniciante a partir de R$2.000,00

A GUITARRA SEMIACÚSTICA

Essa é essencialmente uma guitarra acústica que pode ser conectada a um amplificador. Aqui você tem a opção de dedilhar a guitarra de forma descontraída ou conectá-la e tocar com algum reverb ou delay, assim como aumentar o volume. Com muitos benefícios combinados da guitarra elétrica e acústica, ela ainda apresenta algumas limitações. Embora tenha uma sonoridade mais ampla do que a acústica, ela não imita uma guitarra elétrica de rock. Por mais que tente, não chega nem perto. Tenha em mente que ainda será mais difícil de tocar. O preço inicial dessas guitarras é de R$2.000,00.

Seja qual for o caminho que você escolher, faça boa música e leve alegria para o mundo!

SOBRE O AUTOR

Rocco Ciarmoli é professor de guitarra na School of Rock Oceanside.